A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta quarta-feira, 4, os novos dados da Matriz de Risco Potencial. A região do Vale do Itajaí onde Gaspar esta inserida retornou para risco potencial grave juntamente com outras dez regiões de Santa Catarina, apenas a Grande Florianópolis foi classificada com risco gravíssimo para a doença.

A nova classificação divulgada hoje voltou a restringir algumas atividades dentre elas as aulas presenciais, a capacidade de ocupação de espaços públicos e privados também deverá sofrer alterações nos próximos dias, porém é importante destacar que não estão previstos fechamentos totais como ocorreu no inicío da pandemia.

Acompanhe a entrevista do secretário de saúde Arnaldo Munhoz concedida com exclusividade ao portal de notícias Paulo Flores, ouça: